WMP Brasil inicia segunda rodada de liberações em Manguinhos, Ramos e Bonsucesso

O World Mosquito Program Brasil começa, nesta semana, uma nova rodada de liberações dos Aedes aegypti com o microrganismo Wolbachia nos bairros de Manguinhos, Ramos e Bonsucesso. Essa fase de liberação está prevista para acontecer até dezembro. 

As liberações serão feitas utilizando carros devidamente identificados com adesivos da Fiocruz e WMP Brasil. Elas acontecerão no período da manhã, em horários de menor circulação dos moradores na região. 

A primeira rodada de soltura ocorreu em setembro de 2018 e contou com 18 semanas de liberação. Essa fase já é prevista no protocolo do WMP Brasil, estipulado com os governos, e tem como objetivo estabelecer uma população de Aedes aegypti com Wolbachia no território, contribuindo no combate às arboviroses: dengue, Zika, chikungunya.

O WMP Brasil faz parte do World Mosquito Program (WMP), uma iniciativa internacional sem fins lucrativos, presente atualmente em 12 países, que trabalha para proteger a comunidade global de doenças transmitidas por mosquitos. No Brasil, a iniciativa é conduzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e suas ações preveem a criação, liberação e monitoramento dos mosquitos Aedes aegypti com Wolbachia que tem a capacidade reduzida de transmitir essas arboviroses.